Anjo da escuridão

Maldita hora que pensei que tinha direito a beijo com gosto, sexo com amor, não fazer só por fazer. Onde que eu estava com a cabeça!!!!…Realmente o amor romântico não era um bom conselheiro para mim, mas insisti na mudança de rotina. Quem sabe, viveria um grande amor e pleno, coisa que não conhecia na totalidade.

Dessa vez foi ainda pior, pois foi intencional. As mensagens enviadas deixavam claro a sua vontade:”eu quero vingança, não me interessa o resto.”

Por muito tempo, ocupei-me em ganhar dinheiro e cumprir com a carga de responsabilidade que se espera de um adulto. Chega uma hora que sinto falta de carinho. Dinheiro algum preenche esse vazio…foi aí que veio meu pesadelo.

Chegou como um anjo.. .com doçura, pedindo ajuda… Tinha olhos azuis, lindos e dizia coisas legais. Falava de solidão, de amor. De solidão, eu entendia… Senão amor, julguei ter encontrado um amigo que me compreendesse, me apoiasse, que tivéssemos vínculo um ao outro… Dei o melhor de mim, abri meu coração para ele, as portas da casa. Foi entrando e eu fui permitindo… cobrou presentes, pediu dinheiro… Quando contrariado, se desculpava e prometia mudar.

Saiu como um furacão: devastou,quebrou, fez estragos. Levou meu dinheiro e minha paz. Resolvi a todo custo por um fim nessa relação abusiva.

Foi então, que me culpou de tudo, das suas desgraças, das coisas erradas que aconteciam… as ameaças vinham em forma de msn.

O amor é para os outros, não para mim. E por um momento desejei não ter que passar por isso.




Deixe um comentário